Campanha Adote um Boa-Noite fomenta adoções em SP

A campanha “Adote um Boa-Noite”, lançada pelo Tribunal de Justiça em parceria com a agência de publicidade F/Nazca Saatchi & Saatchi em outubro do ano passado, ampliou as chances de adoção de meninos e meninas com mais de oito anos que aguardam uma família em abrigos de São Paulo. A empresa apoiou o TJSP e produziu gratuitamente a campanha para estimular e desestigmatizar a chamada “adoção tardia”.

> VER MATÉRIA COMPLETA

Especialista explica as novas regras para adoção no Brasil

Em 23 de novembro, o presidente Michel Temer sancionou uma lei que cria mecanismos para acelerar o processo de adoção de crianças e adolescentes no País. A especialista em direito de família, Dra. Ivone Zeger, esclarece os principais pontos que mudaram na legislação. De acordo com ela, hoje existem cerca de 41 mil pessoas na fila de adoção, e entre 7 e 8 mil crianças esperando para serem adotadas. Confira a seguir!

> VER MATÉRIA COMPLETA

Após viver 10 anos em abrigo, adolescente alagoana é adotada por família do Rio

V., de 14 anos, posa com a defensora pública de Alagoas, Manuela Carvalho, que acompanhou todo o processo de adoção da menina por uma família carioca.

O desfecho feliz ocorreu com ajuda da Defensoria Pública de Alagoas. A audiência definitiva na Vara da Infância de Juventude de Maceió aconteceu nesta quinta-feira (18), com parecer favorável à inserção da garota à nova família.

> VER MATÉRIA COMPLETA